Aquilo que deve ser admitido…

Não sou invejosa em situações normais. Aliás, sempre andei com meninas lindíssimas, divertidas, legais, morei com modelos em SP até e nunca tive problemas com isso. Acho tão ruim o que a inveja provoca e tenho vergonha de dizer que invejo única e exclusivamente uma amigona do peito que não merece que eu tenha esse sentimento em relação a ela.

No barzinho, no clube, na praia, no cinema, no trânsito… Em qualquer lugar os olhares são dela. Pode ser o charme dos cabelos ondulados, o olhar, o jeito simpático que ela tem de falar ou tudo isso junto, não importa: são bilhetinhos, xavecos diretos e pedidos de casamento a cada 10 minutos. Não me lembro dela ter desejado um homem sequer nesse mundo e não ter sido correspondida. Acho que isso nunca vai acontecer.

Quem não era tão próximo a ela me questionava como eu aguentava ser sempre a segunda opção dos homens – nessas palavras – antes mesmo de eu reparar que era a segunda opção. Será que eu sou tão desinteressante assim? Por que raios ninguém ficava amigo dela interessado em mim? As perguntas na minha cabeça começaram a  incomodar.

Comecei a ser invisível e a cansar disso, passei a ter uma inveja calada por ela ser tão incrivelmente atraente e sensacional sem esforços. Não, ela não dá em cima de ninguém, nem fura meu olho. Não, ela não traça como alvos os caras pelos quais eu me interesso… ELES traçam ela como alvo e passam com um caminhão por cima de mim. Fica difícil ser indiferente a tamanho descaso, não é? E eu que já não ando numa das minhas melhores fases de auto-estima, ando me sentindo triste, tristinha… Mesmo tendo a plena consciência de que não sou nem a mais feia, nem a mais desinteressante das mortais.

Alguém aí tira a minha razão?

5 responses to this post.

  1. Amor,
    vou te confessar que eu acho a inveja um sentimento normal. É claro que não é dos mais agradáveis de sentir, mas ele é tão humano quanto o amor, a tristeza, o ódio…
    São sentimentos que fazem parte da gente. Da mesma forma que é normal desejar, e quando a gente deseja ter algo ou alguém, se alguém tem e queremos também isso é inveja. E é normal, é só esse inveja nnao ser destrutiva, sabe? Só eu posso ter? Daí é ruim, daí não é mesmo positivo. Mas pense que inveja também é uma admiração, de você querer ter ou ser igual ao outro.
    Beijão e te amo

    Responder

  2. Posted by Sarah on 11/05/2009 at 18:06

    É, nunca é fácil. Não tiro a tua razão, mas não deve ter inveja dela, que segundo o que o texto deu a entender é naturalmente assim… O problema está sempre nos de fora.

    Quer um conselho? Saia com uma outra amiga, uma que não vá atrair todos os olhares da festa. Funciona, viu? Depois que passar essa fase, aí estará tudo bem de novo.

    Responder

  3. Posted by Bianca Hayashi on 12/05/2009 at 18:38

    Olha a minha sorte no Orkut: Sorte de hoje: Sua vida é limitada. Não perca tempo vivendo a vida de outra pessoa

    Parece que ele andou ouvindo algumas conversas… hheheh

    Responder

  4. Bom, eu também nunca me considerei uma pessoa invejosa, mas sempre rola aquela invejinha do bem daquela amiga que sempre se dá bem ou está rodeada por todos aqueles que ama.

    Engraçado que esses dias estava me questionando pq uma amiga dizia que tinha inveja de mim… sentir inveja do quê, meu deus..rsrs

    Mas liga não.. invejinha do bem é legal. Ruim é tentar ser a pessoa a quem se inveja. Aí deixa de se tornar admiração prá se converter em auto-destruição.

    Bjos

    Responder

  5. Posted by Lena on 19/05/2009 at 19:21

    É um troço feio, ainda mais por amigas, mas eu tb sinto. Pior é q vc sabe q a coitada nao fez nada para merecer isso. Ela merecia só admiração, mas a gente só se toca q é mais ou menos qdo tem alguém mto melhor q a gente por perto. E fato, há pessoas melhores e piores, por mais q a gente nao queira acreditar nisso. Já me convenci disso.
    Tem um episodio de Friends, q Monica está prestes a se casar e Rachel fica desesperada com isso. Nao, ela não quer o marido da Monica, mas o fato da Monica passar a ser casada faz a Rachel se lembrar de q ela ainda está solteira (coisa q até entao nao incomodava).
    Enfim, só de nao desejar o mal da sua amiga querida acho q já garante um pedacinho no céu.

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: