Surtando ando ando.

Twittei um negócio agora pouco que me provocou um mini arrependimento por falar demais sobre a minha vida pessoal e até me fez ter um bocadinho de vergonha, sabe? Logo eu, com essa minha cara de jatobá, sentindo vergonha. Pode? Não, não pode.

5 minutos depois justifiquei as minhas palavras pra mim mesma com o seguinte pensamento: tenho todos os motivos do planeta por ter preguiça de viver nesse momento e explicarei o por que. O twitt foi o seguinte:

“Odeio qnd meu futuro depende única e exclusivamente do meu esforço. Sou a sra.preguiça.”

E por hora, sou mesmo. Tô cansada de andar na esteira da vida olhando lááááá na frente um pedação enorme de picanha sem conseguir alcançá-lo. Entenderam a analogia?

As coisas tem seu tempo e seu jeito de acontecer. E eu fiz 4 anos de jornalismo e nem gostei. E eu voltei pra casa dos meus pais depois de morar fora e acho que regredi. Aí, descobri desenho industrial, me apaixonei, e resolvi desenhar. Mas pra ser designer tenho que voltar pra SP, ter dinheiro, passar na porcaria do vestibular (que eu jurei que nunca mais iria me preocupar) e já viu, né? Tudo isso em 6 meses. Surtada? Imagine! Só porque tenho 21 e me sinto com 15? Só porque talvez tenha que prolongar meus sentimentos de fracasso por mais 6 meses se tudo der errado? Só porque ando tendo que reviver dramas há tempos abstraídos, do tipo: por que um número elevado a -1 vira uma FRAÇÃO???

WHAT?

Não sou de fato preguiçosa, sou até bem cabeça dura quando eu quero. Corro MESMO atrás, mas minha vida anda com cara de porta de bar texano – num vaivém constante e entediante que não me leva pra onde eu quero. E o vestibular tá pertinho, meu tempo de preparo se esgotando, meus nervos estourando e a ansiedade me consumindo. E agora surge uma paixonite deliciosa – que eu tanto desejei – pra entrar na minha wishlist de “quando eu estiver em Sampa…”.

Oloko.

Às vezes acho que deveria tomar florais.

3 responses to this post.

  1. Escrevi um texto “literário” (ou não?! rs) sobre essa febre de twitters e etc no meu Blog!!! Passa lá e comenta…

    Sobre sua fase complicada, posso dizer que me sinto um pouco assim, regredindo…me formei, mas ainda estudo e já estou cansada e ainda não trabalho, e as vezes dá vontade de jogar tudo pro alto e vender coco na praia, eu quero salvar o mundo, mas preciso pagar minhas contas, é osso….rs

    o que posso desejar a vc é boa sorte no vestibular. que seja o último…rs

    bjs

    Responder

  2. Posted by Bianca Hayashi on 27/05/2009 at 02:39

    Eu já tomei florais e digo: não funciona. E olha que eu tentei fazer funcionar. Só me deixou com gosto amargo na boca.
    Antidepressivos são melhores, hahahahaa

    Eu retwittei sua frase. Ela é genial, por mais que você tenha vergonha dela. Quantas vezes a gente não deixa as coisas pra depois? Mesmo que delas dependa tudo o que a gente quer fazer? Nem tanto por preguiça, mas muito por cansaço e estresse.

    Daqui a pouco, vou começar a estudar pro vestibular como você. Vamos voltar pra esse mundinho que não víamos a hora de sair… e não sei se isso é bom ou ruim.

    Beijão! Te amote!

    Responder

  3. Faça um floral, sim. Pra mim super funciona, no sentido de baixar a ansiedade…

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: