romance instantâneo.

As mulheres tem reclamado que os homens não querem se comprometer. Os homens tem reclamado que falta mulherada de qualidade no mercado. Que descompasso é esse, minha gente? Tendo em mente que tanto os homens quanto as mulheres que eu tenho contato são pessoas realmente interessantes, no sentido amplo da coisa, porque as pessoas andam se desencontrando dessa forma?

Acho que ficamos muito presos à teoria, escolhemos demais e paramos de nos envolver.

Ou porque temos medo que dê terrivelmente errado, como muitas e muitas vezes já aconteceu na minha vida e na de vocês, ou porque tememos que dê certo. Esquisito, não?  Quando um envolvimento qualquer funciona ele gera novas responsabiliades e preocupações que também podem vir a ser problemáticas. Tudo na vida tem seu lado complicado.

Ficamos sempre no raso, como crianças sem bóia na piscina. Conhecer à fundo uma pessoa demanda um tempo que hoje não temos nem para nós mesmos. A gente quer todo um romance pronto, à primeira vista, um bater de santo logo no olhar. Preguicinha de ficar perguntando sobre as preferências, discutindo sobre a vida, falando daquilo que interessa. Até porque o que é interessante pra mim pode não ser para o outro e imagina que saco ser descartada por gostar de pagode e não de rock? Melhor nem revelar certas tendências.

Gostamos e achamos confortável desconhecer. E continuando nesse ritmo é impossível ter real interesse sobre alguém, a vida não é como nos filmes, infelizmente. Na vida real ele é muito gordo, ou muito intelectual, ou muito superficial, ou muito respeitoso, ou muito cansativo, ou muito alguma outra coisa. Nosso inconsciente sabe que vai ser difícil ter alguma coisa com alguém tão diferente então nem ousamos tentar pra depois dizer por aí que a culpa é dos homens, das mulheres ou do mercado que anda fraco.

A culpa toda é da nossa lógica.

12 responses to this post.

  1. É verdade Ericka, hoje em dia queremos tudo pronto. Não temos paciência pra curtir e ser curtida. Temos pressa pra tudo, e assim fica impossível nos darmos oportunidades. E a vida vai passando…
    bjk

    Responder

  2. Acho que você disse tudo..
    Precisamos perder o medo de arriscar, e ir fundo naquilo que achamos que pode ser bom.

    Beijos.
    http://www.consumisse.blogspot.com
    @thaharaujo

    Responder

  3. Oi querida!! Adorei o texto, e concordo totalmente! E sabe uma das coisas que já foi comprovada por estudos que ferram um possível encontro de casais?? Comédias românticas! Segundo o estudo, elas fazem as pessoas acreditarem que tudo que tiver que acontecer, acontecerá. Vc estará andando na rua e de repente será atropelada, olhará e verá o amor da sua vida. Bullshit. A vida não é assim, acho que é memso necessário conhecer mais a fundo. mas será que as pessoas estao mesmo dispostas?
    Beijinhos!!

    http://mmansur.blogspot.com/

    Responder

  4. concordo totalmente contigo!
    beijos

    http://semprenostrinques.blogspot.com/

    Responder

  5. Posted by enrolada on 26/02/2011 at 23:41

    muitooo bom. Acho que descreveu a vida de todo mundo nesse texto, a não ser dos comprometidos (as).

    beeijos

    Responder

  6. É mto bom ir descobrindo a pessoa, gostos, qualidades, defeitos… As briguinhas também ajudam!
    Adorei seu texto =)
    Bjo

    Responder

  7. Posted by Fernanda Beltran on 27/02/2011 at 14:36

    Él, realmente nesse texto vc arrasou! Enquadrou perfeito no que acontece! Preguiça de conhecer gente nova, tentar, correr riscos…
    Como vc sabe tanto da vida, amiga?
    bjoo

    Responder

  8. Concordo plenamente, acho que o que esta acontecendo é que as pessoas estão com medo de se relacionar e se no fim não der certo se machucar, mas eu penso assim se não tentar como vai saber!!

    Adorei o post!!
    Bjão flor..

    Responder

  9. Posted by rafitzzz on 27/02/2011 at 15:50

    Disse tudo Elka, preguiça de conhecer a fundo a pessoa, de conhecer familia, gosto e bla bla bla!!! Até bocejei, só de pensar! hahaha

    Beijao!

    Responder

  10. Posted by Regina Celi on 27/02/2011 at 17:30

    É que a conquista da individualidade,a independência financeira, o
    não compromisso com ninguém, o foco na profissão, a perda de alguém
    que representou muito em termos de amor pleno…acaba ficando compli-
    cado um Novo Amor…a perda da individualidade, a ameaça de ter que
    dividir, o dar satisfação, as cobranças,a profissão em segundo plano,
    o comparar ao amor anterior, as diferenças, enfim o egoismo acaba
    suplantando a chegada de um possível amor. Aí eu acabo concordando
    com você que a culpa é da nossa lógica, e cada um tem os seus motivos!

    Responder

  11. Vixe, eu estou no raso.rsrs
    Beijos
    @BrunaMotablog
    Blog Woman Chic (http://wonanchic.blogspot.com/)

    Responder

  12. Vc arrasou no texto,
    temos medo de nos envolver e arriscar errado,
    mas se não arriscarmos como saberemos
    oque é certo ou não?
    Beijos

    http://www.lupourbaix.com.br
    @lucianapourbaix

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: